HomeCT.html

Durante os encontros na “chácara”, inicialmente com os jovens, sentiu-se a falta do Santuário. Os que já o conheciam, não podiam frequentá-lo durante os encontros e os novos não tiveram a oportunidade de conhecê-lo. Pela inquietude em torno deste assunto surgiu a ideia de criar um lugar de oração e de presença da Mãe de Deus: uma ermida. As ideias foram amadurecendo. Os encontros neste lugar começaram em 1978 e agora estávamos no ano de 1982. Neste tempo todo os jovens muitas vezes diziam: “É bom estarmos aqui...”. “Aqui é bom estar”. Era a característica do local e dos encontros. Logo foram definidos então os três elementos da ermida: o Sol do Tabor (Cristo), a mãe de Deus, o Santuário. E estas três elementos eram a base do projeto artístico da Ermida.


No dia 08 de agosto de 1982 a Ermida foi inaugurada. A parte central de madeira e de bronze foi benta no Santuário e levada, numa procissão, a pé, com a participação de 250 pessoas, até o lugar determinado na chácara. Também o Sr. João Pozzobon estava junto.


Neste
lugar, frente a Ermida, mitos
jovens fizeram sua Aliança de Amor com a Mãe de Deus e se registraram no “Livro da Aliança Tabor” que foi iniciado na segunda Jornada-Tabor, dia 07 de agosto de 1983.